Gestão de processos

Como a TI ajuda na produtividade dos demais funcionários?

Como a ti ajuda na produtividade dos demais funcionários da empresa
Escrito por Telium

O investimento em tecnologia é conhecido no meio empresarial como uma forma de melhorar os fluxos de trabalho no ambiente corporativo, aumentar a produtividade de profissionais e, ao mesmo tempo, ampliar a capacidade da empresa de ter uma política orçamentária mais precisa.

No entanto, tais objetivos só podem ser atingidos caso a organização tenha uma capacidade de fazer os investimentos corretos, implementando soluções que se adaptem ao seu perfil e que possam criar uma rotina com alta agilidade.

Se você quer saber mais sobre como a TI ajuda na produtividade da equipe, veja o nosso post de hoje!

A flexibilização de rotinas em busca de novas formas de atuar

Com a popularização de smartphones e da internet em alta velocidade (tanto em dispositivos móveis quando desktops), novas rotinas estão ganhando destaque no ambiente corporativo. Elas são caracterizadas pelo seu custo reduzido, maior agilidade e flexibilidade. Bem aplicadas, elas podem não só melhorar o clima no local de trabalho, mas também ampliar os índices de produtividade e de competitividade da empresa.

Esse é o caso de políticas como as de home office e BYOD (sigla para Bring Your Own Device, ou Traga o Seu Próprio Dispositivo, em tradução livre). Os processos de home office, por exemplo, dão a oportunidade para profissionais trabalharem longe da empresa, reduzindo custos com locomoção e dando mais conforto para o colaborador.

Já as políticas de BYOD dão a possibilidade para profissionais utilizarem os próprios equipamentos no ambiente empresarial. Isso vai reduzir custos, melhorar o grau de engajamento e aumentar o nível de produtividade de todas as equipes. Além disso, a corporação contará com dispositivos mais modernos e com melhor performance.

Com o auxílio de ferramentas de cloud computing, elas podem ser implementadas com mais segurança e sem comprometer a privacidade do negócio. Além disso, uma vez que todos os colaboradores terão acesso a um fluxo de trabalho mais integrado, será possível desenvolver estratégias que utilizem melhor os recursos disponíveis para eliminar problemas diários.

A importância do outsourcing para a redução de custos operacionais e aumento da produtividade

A terceirização em TI é apontada como um procedimento estratégico por vários especialistas. Ao direcionar o controle da contratação de técnicos e especialistas para uma prestadora de serviços, a empresa melhora os seus índices de produtividade e consegue atingir um número maior de clientes em potencial. Ao mesmo tempo, é possível ter processos internos mais flexíveis.

Sempre que um novo projeto for iniciado, por exemplo, a empresa pode aumentar o número de técnicos disponíveis para auxiliar profissionais e manter o fluxo de trabalho mais simples.

Além disso, com a possibilidade de utilizar técnicos terceirizados nas rotinas comuns a vários negócios (como a troca de equipamentos), o gestor de TI poderá focar os seus recursos em projetos críticos e outras operações. Isso afetará diretamente na capacidade operacional de toda a empresa.

Como o big data pode tornar a análise de dados mais ágil

As rotinas de análise de dados fazem parte das estratégias de várias empresas. Elas são úteis na busca de uma compreensão mais precisa sobre tendências, padrões do mercado e a maneira como os seus serviços são avaliados pelos consumidores.

Assim, empresas investem em processos de avaliação de informações obtidas em pesquisas e o levantamento de dados internos. Dessa forma, é possível otimizar produtos e atingir novos mercados facilmente.

No entanto, a popularização das redes sociais ampliou a quantidade de informações disponíveis para uso das empresas. APIs facilitam o acesso a dados públicos de milhões de pessoas e, para lidar com esse grande número de registros, as soluções de Big Data foram criadas.

Utilizando o apoio da nuvem e de algoritmos complexos, analistas podem avaliar uma grande quantidade de informações (coletadas online e offline) para identificar tendências com precisão e agilidade.

Deste modo, são capazes de processar um número maior de informações. Não só o seu nível de produtividade será ampliado, mas também a precisão das suas rotinas de trabalho. Como consequência, a empresa pode otimizar continuamente as suas políticas de trabalho e as suas estratégias de vendas e marketing.

Indicadores: a chave para avaliar os resultados das políticas de gestão e governança de TI

Os indicadores de TI podem ser utilizados em vários setores para avaliar o impacto de processos de gestão, investimentos e outros fatores relacionados direta ou indiretamente com a produtividade de outras áreas do negócio.

Diante disso, gestores devem ver o uso de métricas como uma ferramenta estratégica, que auxilia na integração da infraestrutura de TI com a cadeia operacional do empreendimento e, ao mesmo tempo, melhora o clima de trabalho de times de técnicos e analistas.

Os indicadores devem ser definidos de acordo com o perfil de cada empresa e as suas políticas internas. Por meio de um processo de alinhamento estratégico, o gestor de TI conseguirá definir quais são os pontos que causam maior impacto nas rotinas de cada time e, ao mesmo tempo, podem influenciar o dia a dia de outros profissionais.

Assim, a infraestrutura de TI pode servir para que a empresa consiga atingir os seus objetivos a médio e longo prazo com uma equipe mais produtiva e que interrompe o seu trabalho menos vezes em função de problemas em seus equipamentos.

Vale destacar, também, que KPIs mal definidos podem influenciar profundamente a rotina de trabalho dos técnicos. Caso eles sejam ajustados muito acima da capacidade de trabalho dos profissionais, é possível que cada colaborador aumente a sua rotina de trabalho até um ponto onde os seus erros serão superiores ao número de falhas.

Ao mesmo tempo, indicadores abaixo do potencial do negócio podem impedir que o gestor de TI consiga extrair o máximo de seus equipamentos e times de trabalho.

Hoje, a tecnologia deve ser vista como um investimento estratégico em várias áreas. Com uma aplicação e gestão de recursos eficazes, a empresa pode criar uma rotina de trabalho altamente eficaz.

Como consequência, todos os profissionais que atuam dentro da estrutura do negócio poderão atingir o seu desempenho máximo, uma vez que contarão com equipamentos e sistemas de alta qualidade.

Agora que você já sabe mais sobre como a TI ajuda na produtividade, que tal compartilhar este post com amigos e colegas nas redes sociais? 

Sobre o autor

Telium

Deixar comentário.

Share This