Infraestrutura de TI

Já pensou em ter um data center terceirizado? Entenda mais sobre o assunto!

Escrito por Telium

Muitos gestores de negócios vivem um sério dilema quando o assunto é tecnologia da informação, especificamente quando a questão é ter ou não um Data Center terceirizado.

A dúvida existe pelo fato dos custos de investimentos em TI serem altos, mas ao mesmo tempo difíceis de mensurar com total precisão, por serem muito abrangentes.

Se você está na dúvida entre a internalização ou a terceirização do Data Center na sua empresa, então leia atentamente este post para tomar a decisão mais acertada. Acompanhe!

Diferença entre Data Center próprio e terceirizado

No Data Center próprio, a infraestrutura de TI está em pleno domínio e total controle da empresa proprietária.

Essa infraestrutura é constituída de diversos tipos de equipamentos e acessórios, tais como servidores, roteadores, racks, cabeamento e componentes de rede, aparelhos de ar condicionado, entre outros.

A gestão desta infraestrutura também está sob a responsabilidade do seu proprietário, que tem que contratar e capacitar analistas e gestores de TI.

A gestão de TI engloba: gerenciamento de rede, equipamentos e softwares, assim como o suporte de infraestrutura e de sistemas e a gestão de contratos com parceiros (provedores de internet, criação e hospedagem de sites, e-commerce, e-mail, entre outros).

A equipe interna de TI deve garantir a disponibilidade e bom funcionamento das operações comerciais e gerenciais que rodam na infraestrutura de TI, centralizadas nos hardwares e softwares corporativos.

No Data Center terceirizado todas as responsabilidades sobre a atualização e manutenção de softwares e hardwares são do provedor de serviços, além da disponibilização de uma equipe de especialistas para fazer a gestão dos recursos tecnológicos e o atendimento aos clientes.

Todos os recursos tecnológicos e humanos necessários para prover serviços de tecnologia da informação de qualidade são providenciados e geridos pelo Data Center, de forma transparente para o contratante.

Tudo o que a sua empresa precisa fazer é contratar os serviços, ter uma conexão com a internet e realizar as configurações e o monitoramento dos recursos online. Assim, você e sua equipe ficam livres para se dedicar a outras atividades estratégicas da organização.

Serviços de um Data Center terceirizado

São diversos os serviços oferecidos por um Data Center terceirizado, à escolha da sua organização, mas os principais são:

Hosting

É a oferta de infraestrutura de TI para hospedagem de sistemas informatizados, aplicativos e sites de uso da contratante.

Colocation

É o serviço de hospedagem dos servidores de propriedade da empresa contratante, que passam a ficar nas instalações físicas do Data Center terceirizado, sob seu domínio e gestão.

Computação na nuvem (Cloud Computing)

É o serviço de armazenamento de dados e backup de dados na nuvem, utilizando a infraestrutura de servidores do Data Center.

Plataforma de e-mail corporativo

É o serviço de envio, recebimento e armazenamento de mensagens de correio eletrônico, utilizando os servidores do Data Center.

Critérios de seleção do Data Center terceirizado

Para poder fazer um comparativo entre os diversos provedores de serviço de Data Center e selecionar aquele que oferece o melhor custo-benefício, é preciso seguir alguns critérios de análise e avaliação e, principalmente, desempenhar essa tarefa sem pressa ou sobressaltos. Os principais critérios a observar são:

Qualidade da infraestrutura

  • Equipamentos robustos e redundantes — de preferência redundância não somente nas instalações internas do Data Center, mas com interconexão com outros Data Centers.

  • Segurança física: restrição de acesso ao ambiente de TI e ao prédio, com sistemas de detecção de incêndio, alagamento, falhas operacionais e controle de temperatura.

  • Segurança lógica: sistemas de segurança da informação bem estruturados.

Geralmente, o controle de acesso no Data Center terceirizado é bastante rigoroso e conta com mecanismos de segurança, como: sensor de presença e senhas individuais de acesso, para evitar a interferência de pessoas não autorizadas.

Conectividade plena

Dispor de sistemas de conectividade redundantes, de modo que as comunicações entre o Data Center e a sua empresa não sejam descontinuadas em nenhuma hipótese.

Pronto atendimento

O Data Center tem que oferecer atendimento 24 horas por dia, 7 dias por semana, todos os dias do ano e ser ágil na solução dos problemas e atendimento de solicitações administrativas e técnicas.

Vantagens de ter um Data Center terceirizado

A terceirização de um Data Center traz inúmeras vantagens para a empresa contratante do serviço, que impactam no desempenho dos equipamentos, sistemas e aplicativos, na melhoria do nível de disponibilidade dos recursos de TI e, especialmente, na satisfação plena dos usuários. Vejamos algumas das principais vantagens:

Redução de custos

A infraestrutura de TI — servidores de armazenamento, backup, banco de dados, proxy e dispositivos de segurança, entre outros — é composta de hardwares e softwares de custo significativo que precisam ser renovados periodicamente, devido à obsolescência e disparidade com a demanda de serviços.

Com a terceirização, os custos da infraestrutura de TI são assumidos e gerenciados pelo provedor de serviços de Data Center, que se responsabiliza por manter equipamentos e softwares sempre atualizados e disponíveis para a sua organização, por meio de tecnologia de ponta e de alta performance.

Outros pontos de redução de custos são com o consumo de energia elétrica e com a equipe de TI interna, que pode ser pequena e mais focada nos aspectos estratégicos do negócio.

Conformidade

A infraestrutura de TI terceirizada é flexível e escalável, se ajustando aos picos e vales da demanda de processamento de dados de acordo com a necessidade da sua empresa, sem perda de performance ou qualidade.

É possível fazer upgrade ou downgrade de capacidade de processamento e/ou espaço de armazenagem a qualquer momento, de acordo com a necessidade, o que confere elasticidade aos serviços do Data Center terceirizado.

A facilidade de aumentar ou diminuir os recursos tecnológicos é ideal para negócios que apresentam sazonalidade, já que os picos de demanda computacional podem não ser suportados pelos sistemas de TI e prejudicar a experiência do usuário.

Por serem especialistas em tecnologia da informação, os terceirizados incorporam as melhores práticas normativas, o que nem sempre é praticado em um Data Center próprio.

O ambiente ainda conta com dispositivos de segurança, tais como: Firewall, Gateway, antivírus, backup de dados, criptografia de dados, chave de acesso e VPN (Virtual Private Network). Tudo isso serve para evitar perda de dados motivada por invasões, sequestros de dados, falhas de infraestrutura ou sistemas.

Todo este aparato fica à disposição do seu negócio no Data Center terceirizado, sem ter que se preocupar com nada.

Agilidade na solução de problemas

As equipes multifuncionais de TI do Data Center asseguram solução rápida para problemas de toda natureza, pois contam com especialistas para todas as áreas: suporte de hardware e software, gerenciamento de banco de dados e backup e consultoria.

Backup seguro

O gerenciamento de backup no Data Center é criterioso e redundante, ficando armazenado em diversas mídias em locais distintos e seguros, de modo que haja sempre mais de uma cópia disponível para acesso imediato.

A preservação da segurança dos dados de uma empresa, por meio do backup, é essencial para a continuidade do negócio.

Serviço ininterrupto

Os equipamentos do Data Center funcionam em ambiente climatizado e com mecanismos supridores de energia — no-breaks e geradores — que garantem operação ininterrupta, em escala 24x7x365.

As instalações elétricas de um Data Center são bem estruturadas, contando com projetos realizados por equipe de engenheiros com as competências necessárias, de modo que você não tenha que se preocupar com um curto-circuito, sobrecarga ou queda de energia.

Gestão de Hardware e Software

O provedor do Data Center é responsável pelo gerenciamento e licenciamento dos hardwares e softwares utilizados pela sua equipe de colaboradores, conferindo segurança jurídica ao seu negócio.

O provedor ainda faz, inclusive, os planos de contingenciamento — para saber agir em situações de desastres naturais, falhas humanas, ataques de cibercriminosos e manifestações — e planos de continuidade de negócios, imprescindíveis para a segurança de dados e informações.

Todos esses aspectos do serviço de Data Center são monitorados continuamente por uma equipe de suporte disponível 24 horas por dia.

Isso faz com que eventuais problemas sejam minimizados e possam ser solucionados em tempo recorde, sem nem mesmo terem sido percebidos pelo cliente.

Sua equipe focada no que realmente interessa

Sem a preocupação em fazer a gestão de hardware e software e com a tranquilidade de ter alta performance e disponibilidade dos recursos de TI, sua equipe interna de colaboradores pode se dedicar ao core business da sua organização.

Os serviços do Data Center terceirizado agilizam os ciclos dos serviços computacionais e melhoram a eficiência da infraestrutura de TI, contribuindo para que a empresa gaste menos tempo e esforço em atividades que não se alinham ao core business da organização.

A partir daí, sua equipe fica disponível para promover ações com o intuito de aumentar a satisfação do cliente e para captação de novas oportunidades de negócios, assim como otimização e inovação dos processos de trabalho.

Acordo de nível de serviço

O contrato de serviços do Data Center terceirizado estabelece um acordo de nível de serviço (SLA – Service Level Agreement), que determina os padrões da infraestrutura disponível e as garantias de desempenho — volume e velocidade de processamento de dados, o nível de disponibilidade, métricas de avaliação de desempenho e outras especificidades do atendimento.

Assim, sua organização assegura que a infraestrutura de TI estará sempre em bom funcionamento e atendendo às especificações técnicas e de performance necessárias, o que garante eficiência e tempo rápido de resposta.

Um acordo de nível de serviço bem estabelecido também serve para assegurar que todos os benefícios contratados sejam entregues, de fato, ao seu negócio. Também reforça o compromisso e parceria do Data Center com a sua empresa.

Mobilidade corporativa

Os serviços de cloud computing tornam os recursos de TI disponíveis a qualquer hora e de qualquer lugar, por meio de acesso remoto, via internet.

Isso facilita a vida dos stakeholders — partes interessadas no seu negócio — internos (colaboradores, sócios ou acionistas) e de mercado (parceiros de negócios e fornecedores) que podem acessar os seus sistemas online para interagir com a sua empresa.

As equipes internas ganham em produtividade, e os agentes externos se tornam mais ágeis nos processos de negócios.

Critérios para escolher entre um Data Center terceirizado ou próprio

À medida que uma empresa cresce, o volume de processamento de dados aumenta e as demandas de serviços de TI se potencializam.

Garantir uma infraestrutura de TI adequada para manter fluxo contínuo de dados e informações e disponibilidade de recursos computacionais a todos os colaboradores é um desafio dos tempos atuais.

Para fazer frente a esta situação, é possível instalar e manter um Data Center próprio, hospedar os servidores próprios em um Data Center terceirizado ou aderir à computação na nuvem (cloud computing).

Enganam-se os gestores que pensam que têm de optar por uma ou outra solução. Na verdade, é possível fazer uma solução híbrida que aplica cada uma das alternativas aos diversos tipos de informação a ser processada e armazenada, levando em consideração a criticidade da operação e a verba disponível­.

O importante é que o resultado gere valor para o seu negócio. Para fazer a opção certa, analise os seguintes pontos:

Necessidades da sua empresa

Determine quais são os recursos de tecnologia da informação necessários para que o seu negócio tenha a garantia de um bom fluxo de dados e informações e estabilidade de operação dos processos organizacionais.

É preciso, ainda, saber quais aplicações (softwares) serão levados para o Data Center, a fim de certificar-se de que haja compatibilidade com o sistema operacional dos servidores disponibilizados.

Conhecer essas necessidades é o ponto de partida para avaliar os prós e contras de um Data Center terceirizado ou próprio.

Recorrência de investimentos

Os investimentos em um Data Center próprio, geralmente, são cíclicos — em média, são cinco anos para a renovação do parque tecnológico.

Já a contratação de um Data Center terceirizado, em qualquer modalidade de serviço ­— hosting, colocation, plataforma de e-mail ou cloud computing — requer recurso financeiro mensal por se tratar de um investimento recorrente.

Analise o fluxo de caixa da sua empresa e verifique qual das opções será mais bem gerenciada pela sua equipe, sem comprometer a saúde financeira do seu negócio.

Capacidade de expansão

A capacidade de expansão dos recursos de TI em um Data Center terceirizado é imediata, pois ele está preparado para prover atendimento sob demanda.

Já no Data Center próprio a expansão de recursos tecnológicos tem limitações administrativas — de trâmites burocráticos internos para especificação, compra, instalação e disponibilidade financeira — assim como limitações técnicas — know-how da equipe de TI, compatibilidade e modularidade dos equipamentos, pois, na maioria das vezes, eles são escolhidos em função de preço, e não de qualidade.

A evolução dos recursos de tecnologia da informação tem proporcionado uma transformação digital no mundo corporativo — mobilidade, IoT – Internet das coisas, Big Data, Business Intelligence, cloud computing, automação de processos, plataformas colaborativas — o que está mudando a dinâmica de formatação e manutenção da infraestrutura de TI.

Hoje não é mais possível ficar sujeito a paradas operacionais por falhas nos recursos de TI, especialmente nos processos críticos do negócio. Por isso, ponderar sobre o custo-benefício de manutenção de um Data Center é muito importante.

Quanto mais estratégicos forem os sistemas e bases de dados de uma empresa, mais recomendável é que o Data Center esteja sob seu domínio direto. Porém, uma solução híbrida é possível, com a distribuição na nuvem de todos os demais processos não críticos.

O importante é saber que a segurança da informação e as garantias de continuidade do negócio devem ser os principais direcionadores das escolhas a serem feitas quanto a quem vai gerenciar os recursos de TI da sua empresa.

A internalização ou não de um Data Center impacta diretamente a produtividade e as facilidades de integração dos stakeholders da sua empresa aos recursos de TI, assim como nos custos operacionais da organização, e podem se converter em vantagem competitiva para o seu negócio.

E aí, já decidiu se vai internalizar ou contratar um Data Center terceirizado? Agora que você tem informações precisas para fazer essa opção, que tal se manter sempre bem informado assinando a nossa newsletter?

 

Sobre o autor

Telium

Deixar comentário.

Share This